Notícia

Bodas do Inox e nova marca

segunda-feira, 25 de setembro de 2017



O Instituto Inox está completando duas décadas. Para marcar a data, investiu na reformulação da sua identidade visual. “O layout moderno mantém as características da marca anterior”, segundo explica o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino. As cores da Aperam, também comparecem no logotipo, numa referência à marca da Empresa que é a principal parceira da Instituição ao longo desses anos.

Conforme o presidente, a nova marca do Instituto do Inox expressa o compromisso da empresa com a qualificação profissional e a possibilidade de geração de emprego e renda para a comunidade.

O presidente usa a simbologia das Bodas para se referir às duas décadas de relacionamento com a comunidade. “Estamos celebrando Bodas que, no caso do Instituto, vão ser sempre de inox, uma designação que traduz a resistência do projeto”, compara o presidente.

Para o diretor do Instituto do Inox, Adolfo Viana, o momento é de celebração e de projetar novas oportunidades para o mercado do aço inox. “Somos reconhecidos pela gama de profissionais que formamos. Nessas duas décadas, alcançamos propósitos inimagináveis. Hoje nos consolidamos como marca de destaque no território nacional.”

Criado em outubro de 1997, o Instituto Inox é um centro de qualificação profissional focado no desenvolvimento econômico e sustentável de Timóteo e de todo Vale do Aço. A entidade é mantida pela Fundação Aperam Acesita, em parceria com a Associação dos Aposentados e Pensionistas de Timóteo (AAPT). Além de dar sua contribuição técnica para a profissionalização, o Instituto Inox tem como objetivo promover a geração de trabalho, renda e novos negócios no segmento do aço inoxidável. A organização é a única no Brasil a oferecer formação técnica no nesse setor.

Durante seus 20 anos, o Instituto do Inox formou quase 4 mil profissionais. Nesses anos de qualificação e formação, o Instituto também estimulou a criação de várias empresas de manufatura do aço inox no município de Timóteo, empresas estas que possibilitam absorver os treinandos gerando emprego e renda.“Esses resultados comprovam a importância do Instituto Inox no estímulo ao empreendedorismo e criação de novos postos de trabalho no Vale do Aço”, observa Vitorino.

Vitorino fala ainda das expectativas para o futuro da entidade. “Olhamos para o futuro com a certeza de que vamos crescer ainda mais, com foco em nossas diretrizes de visão, missão e valores. A cada dia que passa, estamos mais adequados e prontos para os desafios futuros”, disse.

O Instituto Inox funciona numa área de 400 m², construído e equipado pela Aperam Sotuh America e dotado de modernos equipamentos para a trabalhabilidade do aço inox. No espaço, são disseminadas novas tecnologias, por meio de consultorias e assessorias técnicas, atendendo às muitas solicitações de todo o Brasil.


Expo Inox

Ainda como parte das comemorações dos seus 20 anos de atuação no mercado, o Instituto do Inox participará da 1ª Expo Inox. Durante o evento, a entidade apresentará exemplos e experiências de utilização do aço inoxidável no agronegócio e construção civil. A iniciativa tem como propósito apresentar aos empreendedores desses segmentos as melhores soluções em aço inoxidável, a alta resistência dos produtos à corrosão e outras características como maior durabilidade, baixa manutenção e facilidade de limpeza.

Outra atração da Feira será a exposição de três equipamentos desenvolvidos com a orientação técnica da Universidade Federal de Viçosa, conduzida pelo professor Juarez de Sousa e Silva em parceria com o Centro de Pesquisa da Aperam South America e o Instituto do Inox, que tem como objetivo de facilitar a vida dos pequenos produtores de café na buscar da melhoria da qualidade. Quanto maior a qualidade da bebida maior é o valor pago. O Estado de Minas Gerais produz 50% da safra do país e é o líder na produção do café. Estima- se que 80% da produção são realizadas pelos pequenos e médios produtores. Temos produtores em cidades muito próxima do Vale do Aço.





Por Instituto do Inox

Gostou? Compartilhe!